Meu Manifesto

 


Vejo o futuro
De boa mente
Com muito alento
No coração;
Sinto-me forte
Se estás comigo,
És meu amigo,
Meu guardião!

Por densas trevas
Se estou andando,
De vez em quando
És minha luz;
Quase que morro,
Mas és socorro
Quando em perigo,
És meu Jesus!

Senhor te amo,
És meu tesouro,
Maior que ouro,
Melhor irmão,
Ó Cristo eterno
Trago por certo
Meu manifesto,
Minha canção!

 

Autor: Laerço dos Santos