Em Todas estas Coisas

 


Muitas lutas vão surgir no horizonte
E quantas vezes minha alma vai sofrer,
Quantas vezes vou sentir que neste mundo
A angústia está tentando me vencer.

Pode ser que as tribulações me cerquem
Procurando minha alma enfraquecer
E a nudez ou a fome desta vida
O meu corpo venha aqui a padecer.

Quantas lutas vão surgir na minha vida
E quantas lágrimas ainda vão rolar,
Por palavras e por feitos de outras vidas
Que a tua paz não puderam suportar.

Pode ser que as acusações do mundo
Minha mente queiram perturbar
E a esperança do céu que tu me deste
Seja tudo em que eu possa me apoiar.

Mas em todas estas coisas eu te louvarei,
Eu te louvarei, ó Deus, eternamente,
Mas em todas estas coisas eu me lembrarei
Que és Rei e Soberano agora e sempre.

 

Autor: Joed Venturini